Informação, Tecnologia e Qualidade a Serviço do Criador.

O portal feito para você e seu pássaro!

(19) 3873-4161 / (19)3903-2065 / (11)97110-0585

vendas@amgercal.com.br

Vinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo SliderVinaora Nivo Slider
  |    |   São Paulo - SP 

Roseicollis Pena Longa - Modificação ou Mutação?

Paul Richard Wlfensberger - Juiz OBJO/OMJ

As Mutações dentro da criação de pássaros é sempre surpreendente e por isso se torna muito importante estarmos bemAAAAAAAAAAAAAAAAA atentos. Só pelo fato de um filhote no ninho, apresentar alguma cor diferente do usual, espontaneamente, é criada toda uma expectativa de ser uma Mutação, e logo esta novidade é disseminada no meio ornitológico, muitas vezes, já acrescentada de nomes e também de sua transmissão genética.

Precisamos ter muito cuidado, pois a Mutação é uma modificação espontânea do gen, ou seja, não há nenhuma regra para que isso aconteça e pode naturalmente ser possível ocorrer em qualquer ninho, em qualquer lugar, sendo necessário cercarmos e garantirmos que é realmente uma Mutação, e não uma modificação.

Para termos certeza de que é uma Mutação, é necessário fixarmos a mesma, e para tal, precisamos criar uma família genética cruzando os genes dentro desta família, provocando o encontro destes, e após nascer um segundo ou terceiro filhote da mesma cor NOVA, podemos então afirmar que é uma Mutação, que está fixada e que sua transmissão genética é por exemplo Dominante, Recessiva etc...

È muito comum aparecer na natureza uma ave diferente, por exemplo um papagaio Amarelo, ou Azul, agora, afir­marmos que esta ave é uma Mutação, somente depois de testarmos ou criarmos mais exemplares daquela mesma cor.

Nos Agapornis roseicollis, existe um Agapornis"grande"- Pena Longa - de máscara imponente, que hoje é bastante valorizado pelo seu aspecto físico ou fenótipo, bem como, foi também descoberto, ser muito importante na criação com os Agapornis roseicollis opalinos, que possuem marcação de cor em "toda" sua cabeça e os Penas Longas como normal­mente são chamados, com sua característica de máscara forte, abrilhanta mais esta combinação.

Na verdade os "Penas Longas" não são nem Mutação, nem mesmo modificação, mas sim um trabalho de seleção iniciado nos anos 90 pelo criador holandês John A. M de JONG, que vinha vencendo muito os Campeonatos Mundiais na Europa de então, com seus gigantes Roseicollis.

Logo já foram "batizados" de muitos nomes, até de subespécies dos Roseicollis, como por exemplo "Catumbellas", mas na verdade é uma brilhante seleção, um belo trabalho desenvolvido nos Roseicollis.

img2

As suas características principais são:

1) A máscara vermelha intensa - muito se falava que era devido ao pigmento vermelho artificial (Carrophyl red ou

Cantaxanthina), e existem criadores que até hoje afirmam ser verdadeiro; não acredito isto ser procedente, tanto é que no ninho os filhotes já mostram uma máscara vermelha bem intensa, bem diferente de um filhote de Roseicollis normal ou comum.

2) A máscara também se apresenta de tamanho maior, vem até metade do peito, diferente dos Roseicollis normais que

só têm um babador curto.

3) 0 tamanho é a outra característica, por terem as penas mais longas do que qualquer Roseicollis comum, digo mai-

ores, mais compridas e mais largas. Ambos contém o mesmo número de penas, mas com penas maiores, há aquela aparência de "buff", ou grande, fazendo o seu fenótipo destoar dos Roseicollis comuns. Porém quanto mais esta ave for "confinada" em um espaço pequeno, maior será seu tamanho, e maior chance terá de vencer em uma exposição; mas como tudo tem seus percalços...quanto maior a obesidade da ave, menor a chance de criar.

De Jong, sempre me perguntava quando visitava-o:

- Você prefere aves que criam ou quer aves de exposição?

4) As patas são enormes, diferentes dos Roseicollis normais, haja visto que os anéis na Europa são de Smm, diferentes dos 4,Smm do Brasil.

Este Roseicollis se transforma até 2 anos, ou seja, ele cresce e aparece, ele escurece a máscara, e vai mudando suas características no decorrer desse tempo.

Na Alemanha já há 8 anos, foi feita uma divisão entre os Roseicollis normais, e os Roseicollis "gigantes" ou Penas Longas, e o desenvolvimento na Europa foi tão grande, que no penúltimo Campeonato Mundial, existiam mais de 100 Agapornis roseicollis lutinos Pena Longa, principalmente de criadores da Alemanha, Bélgica e Holanda, e por isso que na Europa (agora também aqui), os Agapornis concorrem até 2 anos como filhotes do ano.img1

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

2017© Amgercal Indústria e Comércio Ltda.
Fábrica e Escritório Central:
RUA PADRE FRANCISCO ABREU SAMPAIO, 33
Chácara Bela Vista - Sumaré - SP - cep: 13175-560
Tel: (19) 3873-4161 / (19) 3803-2065 / (11) 97110-0585 Whatsapp
E-mail: vendas@amgercal.com.br
Site e Publicidade: Artware